RIOZINHO

O Sul da Ilha em evidência

CINCO LEÕES-MARINHOS-DO-SUL E UM LOBO-MARINHO-DO-SUL SÃO AVISTADOS NO COSTÃO DA PRAIA DO MATADEIRO

Um vídeo de 18 leões-marinhos-do-sul (Otaria flavescens) no costão da Praia do Matadeiro, em Florianópolis, tem circulado nas redes sociais desde o início da semana.

Na manhã de quinta-feira, 11, a Associação R3 Animal, através do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), foi até o local com uma embarcação para verificar a situação. Foram avistados quatro leões-marinhos nadando nas proximidades e um descansando no costão. Um lobo-marinho-do-sul (Arctocephalus australis) também foi avistado nas pedras.

Com o auxílio de um aparelho de diagnóstico por temperatura corporal foi possível fazer uma avaliação, mesmo que distante. Segundo a médica-veterinária, Marzia Antonelli, os cinco animais avaliados estavam ativos, com comportamento normal e escore corporal bom.

Nesta época do ano, é comum que animais destas espécies sejam avistados em nossa região. Eles saem de colônias reprodutivas no Uruguai e Argentina e chegam em nossas praias em busca de alimento e descanso.

Caso aviste um lobo ou leão-marinho na praia ou nos costões, mantenha distância, pois são animais selvagens e, ao se sentirem acuados, podem tentar se defender. Evite o contato deles com animais de estimação, pois eles podem transmitir doenças aos lobos-marinhos. Caso cachorros tentem atacar o animal, ajude mantendo-os afastados. Evite tirar fotos com o uso de flash. Nunca forneça alimento ou force o animal a entrar na água, pois muitas vezes ele quer apenas descansar.

Colabore com a sensibilização e conscientização da comunidade e ligue para o número 0800 642 3341.

Lembre-se, molestar animais silvestres é crime previsto na lei 9.605/98, com pena de seis meses a um ano de prisão e multa.

O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no Polo Pré-Sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama. Esse projeto tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo na Bacia de Santos sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos.

O PMP-BS é realizado desde Laguna/SC até Saquarema/RJ, sendo dividido em 15 trechos. Em Florianópolis, o trecho 3, o projeto é executado pela R3 Animal.

Crédito fotos: Nilson Coelho/R3Animal

PUBLICIDADE

Anuncie

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

2019-07-12T16:52:02+00:00