Oops...
Slider with alias Destaque not found.

O ano de 2018 foi marcado pela mudança na relação entre poder público e sociedade na solução de problemas relacionados à destinação do esgoto de Florianópolis.

Em parceria com a Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan), a Prefeitura Municipal de Florianópolis lançou no segundo semestre a Blitz Se Liga Na Rede e a nova fase do Programa Floripa Se Liga Na Rede, duas frentes com o objetivo de melhorar as condições de saneamento básico e, por consequência, a balneabilidade das praias.

Em alguns anos, olharemos para 2018 como o ano da virada na lógica de como tratamos o esgoto de nossa cidade. Estamos fazendo nossa parte e contamos com todos os moradores para tornar possível um futuro de praias limpas e com mais qualidade de vida“, disse o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro.

Desde 15 de setembro, semanalmente é colocada em ação a Blitz Se Liga Na Rede. A força-tarefa, que envolve fiscais de Vigilância em Saúde, Floram, além de equipes técnicas da Casan e do Floripa Se Liga Na Rede, visa flagrar imóveis com histórico de denúncias e irregularidades nos órgãos sanitários e ambientais.

Em onze semanas, a Blitz Se Liga Na Rede fiscalizou imóveis na Av. Beira-Mar Norte, Ingleses, Cachoeira do Bom Jesus, Campeche, Joaquina, Ponta das Canas, Canasvieiras (região de Canajurê), Cacupé e Bom Abrigo, Jurerê Internacional. Foram alvos da ação mais de 100 imóveis, incluindo shopping, pousadas, hotéis, restaurantes, condomínios e residências. Somente em 20% das situações encontradas, o local estava adequado segundo normas técnicas e leis sanitária e/ou ambiental no ato da fiscalização. Os demais tiveram processo administrativo aberto na Vigilância Sanitária em Saúde e/ou Floram, com casos que resultaram em multa de até R$ 10.500,00.

A ação será reiniciada em 2019, ainda na primeira quinzena de janeiro, e terá como principal alvo imóveis de bairros com maior fluxo de turistas.

Programa Floripa Se Liga Na Rede

Com foco em conscientização, orientação técnica e regularização, a outra frente de atuação da Prefeitura é o Floripa Se Liga Na Rede. Engenheiros e técnicos da empresa terceirizada Echoa Engenharia visitam imóvel por imóvel e realizam uma consultoria gratuita ao morador, avaliando as instalações hidrossanitárias por meio de testes de corantes. As inspeções são agendadas pelo próprio morador por telefone ou presencialmente na base de atendimento que a Prefeitura de Florianópolis disponibiliza para a comunidade durante o período em que o programa permanece na região.

Com o objetivo de fazer uma varredura completa bairro por bairro, de setembro até agora o Floripa Se Liga Na Rede esteve no Bom Abrigo e, atualmente, está ao mesmo tempo no Abraão e Canasvieiras. Todas regiões com acesso ao mar.

Até o momento, foram feitas 316 inspeções nos imóveis das duas localidades. Em uma primeira visita, 42 (14%) lotes estavam regulares e 274 (86%) apresentaram um ou mais tipos de irregularidades, como inadequações envolvendo caixa de gordura, esgoto lançado na pluvial ou água da chuva sendo canalizado para a rede coletora.

Entretanto, com a aproximação da Prefeitura por meio da base de atendimento e a orientação técnica fornecida pela equipe ao final da inspeção, 52 moradores se regularizaram, o que alterou o cenário dos dados para 222 imóveis irregulares (70 %) e 94 regulares (30 %).

Apoio financeiro e técnico para se regularizar

Junto com o lançamento do Programa Floripa Se Liga Na Rede, foi lançado em 23 de agosto o Cartão Se Liga Na Rede, um financiamento da Caixa Econômica Federal, inédito no país, que parcela em até 60x obras de regularização. O crédito contempla tanto material de construção, a exemplo do Construcard, mas também mão-de-obra. Além disso, não há qualquer restrição socioeconômica para utilizar o apoio financeiro, bastando se cadastrar na Caixa Econômica Federal, conforme instruções no link (bit.ly/CartaoSeLigaNaRede).

Para contratar o serviço via Cartão Se Liga Na Rede, o usuário deve procurar por profissionais e empresas credenciadas por meio de capacitação específica oferecida pela Prefeitura Municipal de Florianópolis e Casan. A lista com cerca de 50 nomes, entre profissionais autônomos, técnicos e construtoras, pode ser acessada pelo site do Floripa Se Liga Na Rede (http://bit.ly/SeLiganoSite), é possível.

Oops...
Slider with alias destaque-rodape not found.
By |2018-12-28T20:12:51+00:0028 dezembro, 2018|Noticia|0 Comentários

Sobre o Autor: