JORNAL RIOZINHO

O Sul da Ilha em evidência
ANUNCIE 50% OFF

A determinação é que fique 30 dias fora das funções e não faça contato com demais suspeitos de envolvimento na operação.

PF investiga a violação de sigilo de operações policiais

Nesta terça-feira (18) o Tribunal Regional da 4ª Região (TRF4) determinou o afastamento de Gean Loureiro (sem partido), do cargo de prefeito de Florianópolis por 30 dias. Gean é um dos sete presos na Operação “Chabu”

A decisão é do desembargador federal Leandro Paulse, que determinou ainda a prisão temporária do político.

O magistrado também proibiu o prefeito de qualquer contato com outros envolvidos na operação, além do recolhimento do passaporte e que Loureiro não saia do estado. O motivo da prisão não foi informado pelo TRF4.

A prefeitura informou que analisa juridicamente como ficará a situação no município.

A “Chabu” foi deflagrada pela Polícia Federal e investiga a violação de sigilo de operações policiais em Santa Catarina.

+ LEIA MAIS

ANUNCIE 50% OFF
By |2019-06-18T20:22:10+00:0018 junho, 2019|Florianópolis|0 Comentários

Sobre o Autor: