OPERAÇÃO VERÃO DA PREFEITURA DE FLORIANÓPOLIS CONTA COM MAIS DE 40 AÇÕES.

A Prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria de Turismo, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico, lançou na manhã desta quinta-feira, 12, a Operação Verão.

Serão implementadas diversas ações na área de infraestrutura, segurança pública, fiscalização, educação, saúde, cultura, e englobam a temporada de verão, Natal, Reveillon, Ano Novo e Carnaval. Para implantação da operação, as prioridades serão definidas por região e seguirão um cronograma. Objetivo é proporcionar uma atuação coordenada e integrada entre os órgãos. O planejamento foi feito no período de julho a setembro deste ano. A etapa de implementação será de outubro a dezembro; a de monitoramento vai de dezembro a abril e a de avaliação, maio de 2020. A apresentação foi feita pelo Prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro.

“Mesmo no inverno, estamos lançando a operação porque é o planejamento que gera o resultado. Nosso objetivo é garantir que a cidade tenha a infraestrutura adequada para atender os moradores e visitantes. Queremos que o visitante prolongue sua estadia aqui, por isso incluímos o Natal, Ano Novo e Carnaval na Operação Verão,” afirmou o Prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro.

Serão instalados 69 quiosques nas praias de Jurerê Internacional, Lagoa da Conceição, Novo Campeche, Brava, Joaquina, Mole, Campeche, Santinho e Forte; 200 banheiros de verão e 40 chuveiros gratuitos. A unidade de atendimento ao turista localizado na Lagoa do Peri será reaberto. O programa Dax um Banho, que leva cadeirantes para aproveitar às nove praias acessíveis terá 3 veículos disponíveis para o transporte e contará com plantão nos finais de semana e feriados para essa atividade. Será avaliada a possibilidade de instalação de 39 centros de conveniência.

Durante a apresentação da Operação Verão, o Prefeito Gean Loureiro também anunciou a contratação de colaboradores temporários para a Comcap e investimento de R$ 2 milhões em sinalização turística. O prefeito também falou sobre projeto Floripa Iluminada, que terá mais de 1.136 mil pontos de iluminação pública distribuídos em 21 balneários. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o efetivo de guarda-vidas também será reforçado. Serão chamados mais 90 profissionais, além dos 250 que passarão por treinamento de reciclagem.

A Guarda Municipal de Florianópolis fará rondas diárias nas praias para garantir a segurança dos frequentadores desses locais, vai intensificar a realização da Blitz da Lei Seca e as operações de trânsito para melhoria da mobilidade. A operação Floripa Legal da Superintendência de Serviços Públicos também terá continuidade e vai fiscalizar comércio ambulante nas praias em 3 turnos e contará com mais de 80 fiscais e auxiliares.

Outra ação será a intensificação da fiscalização dos ônibus de turismo, vans, táxis e transporte regular; das vistorias em embarcações e tráfico marítimo e dos guias irregulares de turismo ou que atuam sem registro. Os serviços de transportes e linhas para as praias também serão reforçados.

Na área da saúde, as ações de combate e monitoramento da Dengue e Febre Amarela serão fortalecidas. A Diretoria de Bem-Estar Animal vai promover campanhas de adoção e conscientização, vai intensificação das castrações de cães e gatos em
comunidades carentes próximas às praias, entre outras ações.

A Comcap terá o reforço de mais 150 colaboradores temporários e fará a limpeza
coleta diária nos principais balneários e vai orientar ambulantes sobre a forma correta de separar resíduos e vai fornecer sacos de lixo para melhorar o manejo dos resíduos
gerados na faixa de areia. A Companhia vai contar com novos equipamentos: quatro quadriciclos, seis reboques, cinco roçadeiras giro zero, 50 roçadeiras manuais, 20 caixas estacionárias grandes e três caminhonetes para fiscalização.

Na área de esporte e cultura, o projeto Férias na Passarela de Férias vai atender cerca de 250 crianças durante o recesso escolar. Apresentações artísticas e culturais também farão parte da programação de verão. Também foram citadas diversas ações no segmento de infraestrutura que já estão em andamento, como a Operação Asfaltaço, que ao ser finalizada, terá levado mais de 150 quilômetros de pavimentação asfáltica para mais de 100 ruas, além de mais 85 quilômetros de vias específicas (ciclovias, ciclofaixas ou ciclorrotas) para ciclistas.

2019-09-16T22:24:11+00:0012 setembro, 2019|Florianópolis|