Concentração, disciplina e muito fôlego. As cerca de 60 crianças participantes do Coral Vozes da Esperança soltam a voz e não deixam a desejar quando chega o dia de ensaiar.

O projeto é uma iniciativa da Prefeitura de Florianópolis por meio da Secretaria de Assistência Social no Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos do bairro Agronômica. Os ensaios acontecem nas terças e quintas, das 10h às 11h, e nas quartas e sextas, das 15h às 16h. Na segunda sexta-feira de cada mês é feito um ensaio geral com as turmas do período matutino e vespertino, das 12h20 às 13h.

As aulas são ministradas pelo regente José Rui Guilherme. A atividade visa promover a integração social de cada aluno incentivando a criatividade, concentração, atenção e disciplina por meio da música. Além das letras, o professor explica sobre a origem de cada uma das canções e o contexto em que foram escritas, pois segundo ele as crianças precisam saber o que estão cantando para dar sentido às palavras cantadas.

O músico também reforça a importância da leitura, lembrando que sem ela eles não conseguirão seguir a letra das canções. As boas notas também são sempre lembradas na aula, incentivando que as crianças estudem para que consigam alcançar seus objetivos. “A importância que eles dão, muitos acreditando que um dia poderão ser cantores. Todo esse comprometimento, a autoestima deles que é desenvolvida, eu fico emocionado. Eles ficam vidrados na aula”, comenta Rui.

Além do coral o Centro de Convivência, conta com atividades de apoio pedagógico e educação física com professores da Secretaria Municipal de Educação. As crianças e adolescentes são recebidos nos turnos da manhã e tarde e são encaminhados através do Centro de Referência de Assistência Social da sua região. No local fazem três refeições por dia, que conta com cardápio de frutas.

A coordenadora do local, a assistente social Gisele Beretta, afirma que é muito importante atividades como a do coral para que essas crianças que muitas vezes passam por dificuldades em diversas áreas, possam enxergar outra realidade além da que elas conhecem. A ação trabalha a autoestima e serve de incentivo para que busquem realizar seus sonhos.

Atividades como o coral oferecido no Centro de Convivência promovem estratégias para o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários oportunizando melhoria de qualidade de vida das crianças e adolescentes. Elas estão ali, aprendendo, brincando e consequentemente envolvidas em atividades de prevenção a situações de risco social, ampliando trocas culturais e de vivências”, ressalta a secretária de assistência social do município, Maria Cláudia Goulart da Silva.

A Prefeitura Municipal de Florianópolis possui sete Centros de Convivência próprios e outros 17 conveniados em todas as regiões da cidade. Para ter acesso aos serviços oferecidos pelos centros é necessário comparecer no Cras mais próximo da sua região. No local são disponibilizadas mais informações além do acesso de outros programas sociais disponibilizados pela prefeitura.

Serviço

O quê: Coral Vozes da Esperança;
Quando: Terças e quintas, das 10h às 11h, nas quartas e sextas, das 15h às 16h; e ensaio geral, uma vez por mês, das 12h20 às 13h;
Onde: CCFV Agronômica;
Como: Mais informações devem ser solicitadas no Cras de cada região.

By |2019-04-16T18:27:36+00:0016 abril, 2019|Florianópolis|0 Comentários

Sobre o Autor: