D

O Sul da Ilha em evidência

SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO BÁSICA DO MEC CONHECE BOAS PRÁTICAS DE COLÉGIOS DA GRANDE FLORIANÓPOLIS

Conhecer um pouco mais sobre a realidade da Educação em Santa Catarina (SED) para usar como referência em outras regiões do país.

Esse foi o intuito da visita do secretário de Educação Básica do Ministério da Educação (MEC), Jânio Macedo, à Grande Florianópolis, nesta quarta-feira, 31. Acompanhado do secretário de Estado da Educação, Natalino Uggioni, da secretária-adjunta, Carla Silvanira Bohn, e da equipe de diretores da SED, o representante do MEC passou por três escolas, onde pode perceber o ambiente da aprendizagem.

“Relatei ao secretário de Educação Básica do MEC algumas das ações que vínhamos realizando em nosso Estado e ele quis conhecer pessoalmente a realidade conversando com alunos, professores e gestores. Escolhemos escolas em diferentes contextos. Uma que já concentra boas condições em estrutura, gestão e aprendizagem e outra que está requerendo mais atenção sob o ponto de vista de infraestrutura”, explicou Uggioni.

O secretário Jânio Macedo mencionou a identificação de boas práticas e soluções a serem replicadas como motivação para a visita. “Estamos sempre tentando identificar as boas práticas, tanto nos estados quanto nos municípios. Desde que entrei no ministério, tenho conversado com o secretário Uggioni, trocado ideias e conhecido iniciativas da gestão em Santa Catarina, que podem ajudar no nosso trabalho. Por esse motivo, fiz questão de vir ao Estado conhecer de perto essas práticas”, disse.

A primeira escola a ser visitada foi a EEB Altamiro Guimarães no município de Antônio Carlos, na Grande Florianópolis. Lá, os secretários foram recebidos com uma apresentação de Boi de Mamão e, logo depois, visitaram áreas como horta, oficinas de arte e habilidades, refeitório e salas de aula. Eles também puderam acompanhar o a movimentação de embarque dos alunos no transporte escolar, já que, no interior, a maior parte dos estudantes utiliza este serviço, custeado pelo estado e em ônibus adquiridos com recursos federais.

Fiquei impressionado com a organização dos alunos. Em menos de dez minutos, mais de 200 estudantes já estavam se deslocando para casa. Também gostei muito de conversar com alunos do terceiro ano e saber que, em breve, quase 100% deles estarão prestando vestibular. Realmente a realidade desta escola é muito diferente da maior parte do país”, ressaltou Macedo.

A segunda escola foi a Jurema Cavallazzi, no Bairro José Mendes, em Florianópolis. Nesta instituição a realidade é um pouco diferente. Próxima a uma comunidade, a escola necessita de reparos e investimentos em infraestrutura, e recebe a maior atenção no aspecto pedagógico.

A última escola visitada foi o Instituto Estadual de Educação, no Centro de Florianópolis, onde Macedo conheceu os novos equipamentos tecnológicos entregues para as escolas, como a lousa digital e os gabinetes móveis de recarga com tablets e notebooks. “Uma aula muito diferente, onde os alunos têm maior interesse em aprender, já que hoje a tecnologia faz parte do dia a dia desses jovens”, afirmou o representante do MEC.

Para finalizar a visita, em reunião com toda equipe da Secretaria de Estado da Educação, o secretário Uggioni mostrou ao visitante outras ferramentas de gestão como a Educação na Palma da Mão, onde se pode consultar os números da educação em todo Estado por meio de um smartphone, tablet ou computador.

Realmente Santa Catarina tem muito a acrescentar na educação do nosso país. Com certeza podemos nos basear em ações feitas aqui, para melhorar a qualidade do ensino nos demais estados”, completou Macedo.

Fotos: Patrícia Antunes/ SED

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

By |2019-08-02T21:52:30+00:002 agosto, 2019|Educação|0 Comentários

Sobre o Autor: