Multa ambiental aplicada ao Hiperbom será revertida na humanização da Lagoa Pequena, no Campeche

By | 2018-03-12T20:11:05+00:00 12 Março, 2018|Tags: |

A multa de R$ 32 mil reais será revertida na humanização da Lagoa Pequena.

Segundo a Floram, um acordo de ajuste ambiental foi firmado com o supermercado, que pagou multa de R$ 32 mil reais. O valor será revertido na humanização da Lagoa Pequena. O projeto visa organizar o uso do espaço no entorno da Lagoa Pequena e transformar o local em uma base para educação ambiental, regularizar trilhas e acessos.

No dia 9 de Março, o primeiro passo para o projeto foi dado, estiveram presentes na Lagoa Pequena, técnicos do DEPUC Floram, IPUF, representantes dos colégios públicos da região, os vereadores Lela, Marquito e lideranças locais.

Foto: Amocam, Associação de Moradores do Campeche

A partir de recursos provenientes de compensação ambiental, a Prefeitura autorizou a liberação do início de uma obra importante na Lagoa Pequena, no Campeche: a implantação de uma base de educação ambiental para as escolas do bairro, a revitalização do acesso da Lagoinha Pequena e a melhoria de suas trilhas.

Em consonância com a comunidade e a Intendência do Campeche, a Secretaria Municipal de Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Planejamento e Desenvolvimento Urbano – SMDU, Fundação Municipal de Meio Ambiente – FLORAM e Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis – IPUF, realizaram na ultima sexta feira (09) estudos técnicos para a qualificação da Lagoinha Pequena.

Tombada como Patrimônio Natural e Paisagístico do município pelo decreto 135/1988, a Lagoinha Pequena como é conhecida é um espaço de beleza peculiar, utilizado para o lazer da comunidade do entorno e turistas que frequentam o bairro do Campeche.

O estudo técnico elaborado pela equipe da Prefeitura levou em conta o reconhecimento do entorno da Lagoa Pequena. Foram utilizados equipamentos para aquisição de imagens aéreas com objetivo de se ter uma visão mais abrangente do ambiente. O estudo técnico teve a participação da comunidade do bairro, com o intuito de colher informações e ampliar a participação comunitária.

Em agosto do ano passado o supermercado Hiperbom localizado na Rod. Antonio Luiz Moura Gonzaga, no bairro Rio Tavares despejou esgoto na rede pluvial atingindo a Lagoa Pequena.

A denúncia partiu da Associação dos Moradores do Campeche e um ato em defesa da Lagoa Pequena foi realizado no dia 09 de setembro de 2017, organizado pelo Movimento SOS Campeche Praia Limpa.

A Lagoa Pequena é de área de preservação permanente (APP) e tombada como patrimônio natural de Florianópolis, pelo decreto municipal número 135/88. Está localizada a 600 m da praia e ocupa uma área de 27,5 hectares entre os bairros Rio Tavares e Campeche.

Fotos: Adriano Soares

Reportagem exibida em 29 de agosto de 2017

ATO EM DEFESA DA LAGOA PEQUENA

4 setembro, 2017|0 Comments

FLORAM embarga ETE do supermercado que despejou esgoto na Av. Campeche

31 agosto, 2017|0 Comments