Trans receberá medalha Antonieta de Barros, alusivo ao dia internacional da mulher, em Florianópolis

By | 2018-03-07T20:00:21+00:00 7 março, 2018|

A medalha será entregue pela primeira vez a uma trans, em sessão solne alusiva ao dia internacional da mulher.

A cabelereira Carla Camuracci da Silva, 60 anos,  lutou mais de 30 anos para obter judicioalmente o reconhecimento do seu nome social conseguindo alterar os seus documentos em 2013 será a homenageada este ano A sugestão foi do vereador Afrânio Tadeu Boppré (PSOL)

Um evento no Facabook com 58 pessoas confirmadas pretende reunir a comunidade LGBT para ocupar a câmara de vereadores:

Neste dia vou receber Medalha Antonieta de Barros, dirigida as mulheres que prestaram relevantes serviços em defesa dos diretos da mulher catarinense. A ideia é reunir uma galera FODONA LGBT para ocupar a câmara de vereadores e depois ir comemorar no bar La Khalo. Bora? Minas e minos trans vamos colar porque o espaço é nosso e a medalha é de todos nós! ” convida o evento no Facebook