DEFESA CIVIL ALERTA. Alto risco de temporais localizados, com granizo, raios e ventos acima de 80 km/h

DEFESA CIVIL ALERTA. Alto risco de temporais localizados, com granizo, raios e ventos acima de 80 km/h

By | 2017-10-05T18:56:14+00:00 5 outubro, 2017|

ATENÇÃO METEOROLÓGICA 05/10/2017 – EPAGRI/CIRAM

Temporais localizados com chuva intensa, raios, rajadas fortes de vento e granizo.

Início: 06/10/2017 às 06:00 hs
Fim: 07/10/2017 às 06:00 hs
Regiões: Todas de Santa Catarina.

Previsão: Pancadas de chuva com descargas elétricas (raios). Alto risco de temporais localizados, com granizo e fortes rajadas de vento (acima de 80 km/h), especialmente entre a tarde e noite do dia 06/10. No Oeste e Sul de SC, a chuva começa na manhã de 06/10. Nas demais regiões, início da chuva entre a tarde e noite desse dia.

*Condição favorável para um acumulado elevado de chuva no período, com pontuais de 80 mm em localidades isoladas, especialmente do Oeste ao Sul, e no Planalto Norte.

Sistema: Passagem de frente fria em SC, com elevados índices de umidade.

Recomendações da Defesa Civil:

Tempestades com descargas elétricas (raios), ventos fortes e granizo: Proteja-se em local abrigado, longe de placas, de árvores, de postes de energia e de objetos que podem ser arremessados. Se não encontrar um abrigo, agache-se com os pés juntos, com a cabeça encostada em seu peito ou entre os joelhos e as mãos cobrindo suas orelhas ou apoiadas em seus joelhos. Se estiver na praia, jamais fique na água. Não olhe para o raio. Se estiver em casa ou qualquer outro local abrigado, desligue os aparelhos eletrônicos, não use o telefone, fique longe das janelas e lembre-se, o banheiro em alvenaria é o melhor local durante uma tempestade!

Alagamentos/inundações: evitar o contato com as águas e não dirigir em lugares alagados. Evitar transitar em pontilhões e pontes submersas e cuidado com crianças próximas de rios e ribeirões.

Deslizamentos de terra: Deve ser observada qualquer movimento de terra ou rochas próximas as suas residências, inclinação de postes e árvores e rachaduras em muros ou paredes. Neste caso, é recomendável que a família saia de casa e acione a Defesa Civil Municipal 199 ou Corpo de Bombeiros 193.

Qualquer problema deve ser comunicado à coordenadoria municipal de Defesa Civil, através do telefone de emergência 199 ou para o Corpo de Bombeiros no número 193.